junho 12, 2012

Bronzeado

A indumentária e os comportamentos ligados à prática balnear sofreram profundas alterações, sobretudo no período entre as duas Grandes Guerras.



Nos finais do século XIX, inícios da centúria seguinte, os então apelidados fatos-de-banho eram peças de vestuário que cobriam o corpo todo e que, após o banho de mar, eram mudados. A exposição ao sol era algo a evitar, os banhistas faziam-se acompanhar sempre de chapéus e sombrinhas. À época o bronzeado estava associado aos trabalhadores rurais, que trabalhavam de sol a sol, e por isso mesmo apresentavam uma tez morena.


O bronzeado tornar-se-á moda já nos finais dos anos 30 do século passado, em França, com o lançamento de uma campanha publicitária da “Ambre Solaire”, que apela à exposição solar. Voltar de férias bronzeado, torna-se num verdadeiro imperativo social, imposto pela publicidade e corroborado pelo cinema e televisão, sintomas do desenvolvimento da sociedade de consumo.