maio 10, 2015

O sal no Antigo Testamento

"Relativamente ao sal, este era usado no Antigo Testamento para expurgar o sangue das carnes dos animais, pelo que simboliza a incorruptibilidade. Além de servir de tempero culinário, os crentes misturavam-no com incenso para ser queimado em honra da divindade. O fumo libertado por aquela combustão era considerado uma «coisa santíssima». O sal selava as alianças, tornando-os duradouras e, sobre a mesa, simbolizava as relações amistosas entre os comensais."

LAVRADOR, Luís - "A Bíblia é de comer", in: Visão História, n.º 28, Abril, 2015, p.20