novembro 11, 2014

Castanha, um bocadinho de história

"Desde a pré-história que a castanha é consumida pelo homem. Existem espécies nativas milenares, na Europa, Ásia e América. Ao longo do séculos a árvore tem tido uma utilização plena, com a madeira a ser aplicada em móveis, devido à sua resistência, as folhas a servirem de forragem para gado, e a semente escondida no espinhoso pericárpio, a ser um alimento de subsistência na história da humanidade. O guerreiro grego Xenofonte que participou na investida de Cironpara tomar a Pérsia, descreve as crianças da nobreza persa como robustas, de pele delicada e alva, e que eram engordadas com castanhas cozidas. Os gregos domesticaram a árvore a partir de espécies selvagens oriundas da cidade de Kastanea, que deu origem ao latim castanea."

In: Fortunato da Câmara, Alimentos ao sabor da história. Receitas e curiosidades, Colares Editoras, Sintra, 2010, p. 62